terça-feira, 24 de maio de 2011

Cr7

E quando hoje toda a gente fala da primeira aparição de pai e filho juntos, á chegada ao aeroporto da Madeira, fico a pensar que só eu fiquei chocada ao vê-lo passar o bebé á namorada, já dentro do carro, e arrancarem com o carro, tendo o menino permanecido ao colo....?!?!?! Então na Madeira não existe legislação?!? Revoltam-me estas imagens, que são cada vez mais frequentes no dia a dia, e confesso que para mim, são incompreensíveis... E não me venham com a típica conversa das curtas distâncias, Não, Não e Não, nunca me  hão-de ver a fazê-lo com o Martim...

Vivemos num país de gente culta e inteligente, de gente informada e consciente, e mesmo assim, todos os dias vejo-o á porta da escolinha do Martim, e agora até na TV... Sendo este jogador um exemplo para muita gente, esperemos que este deslize não inspire ninguém!
 (que fique claro, que não tenho a menor dúvida que o Cristiano Ronaldo é um excelente pai para o seu bebé, mas este pormenor, choca-me... mesmo que me digam que ele ia com pressa, por isto ou aquilo..sentá-lo numa cadeirinha própria com sistema de retenção leva um minuto se tanto...)


Imagem retirada do Site da Caras...



Uma coisa é certa, o bebé é amoroso!! Um mimo! Na tv vê-se bem melhor.

4 comentários:

Maria Clara disse...

Pois, eu também reparei nisso :-( Eu sou tão ciosa da segurança do meu filho que nem sei como as pessoas conseguem fazer coisas destas, mesmo que o percurso seja curto ou se esteja com pressa. Eu sei, eu sei, sou até um bocadinho paranóica hehe. Mas só de pensar que se acontecesse alguma coisa eu nunca me ia perdoar, ai...não consigo. Mas aqui na Madeira a legislação é igual neste sentido e há muita fiscalização, mas penso que ninguém sequer mandaria parar este menino, quanto mais multá-lo ou dar-lhe uma repreensão...

Mónica disse...

Eu não vi isso, mas é realmente uma vergonha!! :|

PS. By the way.. Aqui na Madeira é proibido andar com bebés ao colo, tal como em todo o país..

Mami ( Sónia ) disse...

Eu não vi mas se o fez é uma tristeza. Infelizmente conheço casais que fazem o mesmo. Pensam que nas distâncias curtas não tem mal...não entendo como podem por assim a vida dos filhos em perigo...

Anónimo disse...

Sandra,
o meu instrutor de condução perdeu a filha dele assim.
Pos a filha ao colo da mãe, porque sairam de um convivio e a bebe estava a dormir e não a queriam acordar, e a distancia era pequena.......a bebe saiu disparada dos braços da mae e já imaginas o resto.
depois desta historia que o próprio contou, todas as crianças que andam no meu carro, vão presas e bem presas. quando as minhas sobrinhas eram pequenas eram tão apertadas que se queixaram!!!!
é uma coisa que tds pensam que só acontece aos outros.

Bj Vanessa